Últimas Notícias:

Convocação Argentina para as Eliminatórias em março De Olho nos Hermanos

De Olho nos Hermanos

Nesta sexta-feira, 08/03, Alejandro Sabella lançou a primeira parte da lista dos convocados para os confrontos válidos pelas Eliminatórias 2014 no mês de março: Argentina x Venezuela(22/03) e Bolívia x Argentina(26/03). A lista contou com a presença de 21 jogadores, presentes na Europa e América Latina, exceto na Argentina. Os jogadores locais deverão ser convocados no dia 17, após a rodada do Torneio Final na Argentina.

O treinador da Seleção Argentina alegou que já tem em mente 70% da equipe que estará no Mundial 2014, e não fugiu do ideal nesta última convocação, já que a base foi mantida:

Goleiros: Sergio Romero (Sampdoria-ITA) e  Mariano Andújar (Catania-ITA)

Defensores: Federico Fernández e Hugo Campagnaro (Napoli-ITA), Ezequiel Garay (Benfica-POR), José Basanta(Monterrey-MEX), Pablo Zabaleta (Manchester City-ING) e Marcos Rojo (Sporting-POR)

Meio-campistas: Javier Mascherano (Barcelona-ESP), Éver Banega (Valencia-ESP), Pablo Guiñazu (Libertad-PY), Ángel di María (Real Madrid-ESP), Augusto Fernández (Celta de Vigo-ESP),  José Sosa (Metalist Kharkiv-UCR) e Walter Montillo (Santos-BRA)

Atacantes: Lionel Messi (Barcelona-ESP), Gonzalo Higuaín (Real Madrid-ESP), Sergio Agüero (Manchester City-ING), Rodrigo Palacio(Internazionale-ITA), Franco di Santo (Wigan-ING) e Ezequiel Lavezzi (Paris Saint Germain-FRA)

A grande surpresa da lista ficou por conta da presença do ex-Estudiantes e atual capitão do Monterrey, José Basanta. A ausência de F.Coloccini(Newcastle-ING) por sete semanas por lesão abriu portas ao zagueiro argentino, que já vinha sendo observado pela comissão técnica de Sabella.

José Basanta - Foto: Mexsport

José Basanta – Foto: Mexsport

Os retornos de Pablo Guiñazu, José Sosa e a permanência de Montillo na lista em relação à última são outros pontos notáveis dentre os 21 convocados. Notáveis por realmente demonstrarem “peso” nos planos de Sabella, principalmente Sosa e Guiñazu.

Apostas para a escalação dos 11

O esperado é que Sabella permaneça dentro de sua lógica, ou seja, que escale uma equipe mais ofensiva no Monumental de Nuñez contra os venezuelanos e esquematize em La Paz um jogo mais cauteloso.

As dúvidas giram em torno da presença ou não de Di Maria para a primeira partida, contra a Venezuela. O meia do Real se lesionou no segundo confronto diante do Manchester United pela Champions e o esperado até então é que Angelito retorne apenas para a partida em La Paz.

Sem Di Maria, peça fundamental no 4-3-3/4-3-1-2 de Sabella, o esquema pode sofrer algumas alterações

Suécia 2-3 Argentina - O 4-3-3/4-3-1-2 argentino contragolpista e mortal

Suécia 2-3 Argentina, dia 06/02 – O 4-3-3/4-3-1-2 argentino contragolpista e mortal

Além de Di Maria, Fernando Gago e Kun Aguero também seguem em recuperação física pós-lesão. A situação de Kun é mais animadora, e a recuperação parece se encaminhar bem para que o atacante do Manchester City esteja presente nas partidas da Albiceleste.

Com a presença de Di Maria e Aguero sob questionamentos, o esboço da Argentina poderia seguir os seguintes moldes:

O mantimento do 4-3-3 e a aposta na variabilidade de José Sosa na transição defensiva e ofensiva pela esquerda

O mantimento do 4-3-3 e a aposta na variabilidade de José Sosa realizando transição defensiva e ofensiva pela esquerda

O 4-4-1-1 é opção também para Sabella e uma boa chance para testar Éver Banega na função de volante e organizador do meio-campo. O respaldo pelos lados do campo sería fornecido pelos polivalentes José Sosa e A.Fernández. E a ressalva, Higuaín tem sido a preferência para atuar ao lado de Messi no esquema

O 4-4-1-1 com Sosa e Fernández atuando pelos extremos do campo.

O 4-4-1-1 com Sosa e Fernández atuando pelos extremos do campo.

Os convocados locais

Dentre os convocados locais, a expectativa gira em torno de nomes já conhecidos pelo torcedor argentino nos últimos tempos com Sabella. O.Ustari e C.Rodríguez(Boca Juniors), Gino Peruzzi e Fernando Gago(Vélez Sarsfield), Maxi Rodríguez e I.Scocco(Newell’s Old Boys) e L.Desábato, R.Braña(Estudiantes de La Plata) “encabeçam” a lista de possíveis nomes que completarão o elenco para as próximas partidas da Argentina. Os locais serão anunciados dia 17, após o término da rodada do Torneio Final na Argentina.

 E para você, alguma ausência sentida? Qual o melhor esquema caso Di Maria e Aguero estejam fora?

 

Sobre Júnior Marques

Gabriel Batistuta nas peladas de infância e analista da Seleção Argentina de Futebol. Bacharel em Esporte pela UEL – Londrina (1 semestre universitário realizado na FMH, Lisboa – Portugal).

COMENTÁRIOS

Voltar ao Topo